BOA1

Featured post

#Update: Increase in #Human #Infections with #Avian #Influenza #H7N9 Viruses During the 5th #Epidemic — #China, Oct. ‘16–Aug. 7 ‘17 (@CDCgov, edited)

Title : #Update: Increase in #Human #Infections with #Avian #Influenza #H7N9 Viruses During the 5th #Epidemic — #China, Oct. ‘16–Aug. 7 ‘17....

7 Feb 2017

#Macao, 76 people with #exposure to #H7N9 #avian #flu virus contaminated #environment under health #surveillance (DoH, Feb. 7 ‘17)

 

Title: Macao, 76 people with exposure to H7N9 avian flu virus contaminated environment under health surveillance.

Subject: Avian Influenza, H7N9 subtype, poultry infection and environmental contamination in Macao.

Source: Department of Health, Macao SAR, full page: (LINK).

Code: [     ]

_____

Serviços de Saúde avaliam preventivamente estado clínico de 76 pessoas

___

2017-02-07 19:31:00 / Fonte : Serviços de Saúde

Setenta e seis pessoas (76) que estiveram ocasionalmente em contacto com as aves abatidas no passado dia 3 de Fevereiro de 2017, após ter sido detectado, pela segunda vez, o vírus H7N9 no mercado abastecedor Nam Yue, estão a ser acompanhadas clinicamente pelos Serviços de Saúde. Até ao momento, nenhuma pessoa apresentou sintomas.

Os Serviços de Saúde manifestam que o governo já implementou uma série de planos de contingência em resposta à gripe aviária e possui uma reserva estratégica de medicamentos antivirais e de materiais de protecção pessoal, além de estar apetrechado de equipamentos e dotados de instalações adequadas, entre outras necessidades para fazer face a um eventual surto de H7N9.

Os Serviços de Saúde continuam a manter estreita comunicação com o departamento de saúde nacional e das regiões vizinhas, e a Organização Mundial da Saúde, com o objectivo de monitorizar o H7N9 nas regiões vizinhas e em Macau.

Através da cooperação interdepartamental e das organizações públicas e privadas, há um grupo de trabalho de prevenção e preparação especialmente dedicado para responder a uma eventual epidemia de gripe aviária em Macau ou nas regiões vizinhas.

Contudo, de acordo com a experiência anterior, os Serviços de Saúde estimam que nos próximos tempos, nas regiões vizinhas, o vírus da gripe aviária H7N9 tornar-se-á gradualmente mais activo e apelam aos cidadãos para prestarem atenção e tomaram as seguintes medidas:

  • Evitar deslocar-se aos mercados, quintas e outros locais onde haja venda ou exposição de aves com casos de infecção humana pela gripe aviária H7N9;
  • Evitar o contacto com aves, suas secreções e excrementos, e em caso de contacto, lavar as mãos de imediato;
  • Não comprar ou transportar aves não inspeccionadas;
  • Evitar consumir carne, vísceras, produtos derivados de sangue e ovos de aves mal cozinhados;
  • Prestar atenção à higiene pessoal e lavar as mãos com frequência;
  • Se tiver sintomas de febre, tosse e dificuldades respiratórias, entre outros, deve usar máscara e dirigir-se ao médico o mais rapidamente possível, devendo informá-lo de forma detalhada da história de viagem e de contacto com animais.

Para informações detalhadas sobre a gripe aviária H7N9, pode consultar o sítio electrónico dos Serviços de Saúde (www.ssm.gov.mo) ou ligar para a linha aberta de informações de doenças transmissíveis dos Serviços de Saúde (28 700 800) no horário de funcionamento.

Desde Setembro de 2016 foram registadas infecções em diversas províncias, nomeadamente: Província de Jiangsu, de Zhejiang, de Anhui, de Fujian, de Xangai, de Cantão (Guangdong), de Hunan, de Hubei, de Jiangxi, de Guizhou, de Shandong, de Liaoning e de Henan.

-- Fim --

-

Keywords: Macao SAR; Updates; H7N9; Avian Influenza; Human; Poultry.

------